Tubo CPVC Aquatherm 34 22mm 3 metros Tigre


R$ 61,57

Produzido com material totalmente atóxico, o Sistema Aquatherm não transmite gosto nem odor a água. Alia-se a isso alta resistência aos ataques químicos das substancias contidas na água, como cloro, ferro, flúor, etc., proporcionando durabilidade e uma instalação livre de corrosão. Tem uma linha completa de tubos e conexões O Sistema Aquatherm está disponível nos diâmetros de DN 15, 22, 28, 35, 42, 54, 73, 89 e 114, o que lhe permite atender a qualquer projeto/obra de instalações prediais de água quente, tanto para aquecimentos individuais como coletivos. Dispensa isolamento térmico Devido a sua baixíssima condutividade térmica, os Tubos e Conexões de CPVC Aquatherm tem a menor perda de calor entre os materiais utilizados em instalações prediais de água quente, mantendo a temperatura da água por muito mais tempo. Estudos realizados pela PUC de Minas Gerais (Grupo de Estudos em Energia) comprovaram que o Sistema Aquatherm tem uma perda térmica desprezível em trechos de tubulações de CPVC sem isolamento. A conclusão que se pode tirar analisando o gráfico a seguir e que o Sistema Aquatherm dispensa qualquer tipo de isolante térmico em trechos de tubulação de até 20 metros de extensão. Características técnicas A matéria-prima utilizada para a fabricação do Sistema Aquatherm e o CPVC (Policroreto de Vinila Clorado), que é um material com todas as propriedades inerentes ao PVC, somando-se a resistência a condução de líquidos sob pressões a altas temperaturas. A obtenção do CPVC e feita de maneira semelhante à do PVC. Sua principal diferença e o aumento da participação percentual de cloro no composto das matérias-primas, e seu desenvolvimento resultou da necessidade de obter-se um termoplástico que pudesse ser usado, também, para condução de água quente. O CPVC teve sucesso absoluto em vários países da Europa e também nos Estados Unidos da América, onde possui grande aceitação e já vem sendo utilizado desde 1960. Atende aos requisitos prescritos na norma ABNT NBR 15884 / 2010: Sistemas de tubulações plásticas para instalações prediais de água quente e fria — Policloreto de vinila clorado (CPVC). O dimensionamento do Sistema Aquatherm obedeceu a um critério racional, com base nas exigências da norma internacional ASTM (American Society for Testing and Materials) D- 2846. Esse dimensionamento assegura excelente desempenho do Sistema Aquatherm, proporcionando um alto grau de segurança as instalações, mesmo quando sujeitas a condições extremas de pressão e temperatura.


Ver carrinho

Produzido com material totalmente atóxico, o Sistema Aquatherm não transmite gosto nem odor a água. Alia-se a isso alta resistência aos ataques químicos das substancias contidas na água, como cloro, ferro, flúor, etc., proporcionando durabilidade e uma instalação livre de corrosão. Tem uma linha completa de tubos e conexões O Sistema Aquatherm está disponível nos diâmetros de DN 15, 22, 28, 35, 42, 54, 73, 89 e 114, o que lhe permite atender a qualquer projeto/obra de instalações prediais de água quente, tanto para aquecimentos individuais como coletivos. Dispensa isolamento térmico Devido a sua baixíssima condutividade térmica, os Tubos e Conexões de CPVC Aquatherm tem a menor perda de calor entre os materiais utilizados em instalações prediais de água quente, mantendo a temperatura da água por muito mais tempo. Estudos realizados pela PUC de Minas Gerais (Grupo de Estudos em Energia) comprovaram que o Sistema Aquatherm tem uma perda térmica desprezível em trechos de tubulações de CPVC sem isolamento. A conclusão que se pode tirar analisando o gráfico a seguir e que o Sistema Aquatherm dispensa qualquer tipo de isolante térmico em trechos de tubulação de até 20 metros de extensão. Características técnicas A matéria-prima utilizada para a fabricação do Sistema Aquatherm e o CPVC (Policroreto de Vinila Clorado), que é um material com todas as propriedades inerentes ao PVC, somando-se a resistência a condução de líquidos sob pressões a altas temperaturas. A obtenção do CPVC e feita de maneira semelhante à do PVC. Sua principal diferença e o aumento da participação percentual de cloro no composto das matérias-primas, e seu desenvolvimento resultou da necessidade de obter-se um termoplástico que pudesse ser usado, também, para condução de água quente. O CPVC teve sucesso absoluto em vários países da Europa e também nos Estados Unidos da América, onde possui grande aceitação e já vem sendo utilizado desde 1960. Atende aos requisitos prescritos na norma ABNT NBR 15884 / 2010: Sistemas de tubulações plásticas para instalações prediais de água quente e fria — Policloreto de vinila clorado (CPVC). O dimensionamento do Sistema Aquatherm obedeceu a um critério racional, com base nas exigências da norma internacional ASTM (American Society for Testing and Materials) D- 2846. Esse dimensionamento assegura excelente desempenho do Sistema Aquatherm, proporcionando um alto grau de segurança as instalações, mesmo quando sujeitas a condições extremas de pressão e temperatura.